Tecnologia do Blogger.
REPORTAGENS FOTOGRÁFICAS – RONALDO DÉBER- (085) 8721 2442

26 de jan de 2017

Cearense 2017- Ferrão e Maranguape empatam no domingão

Com gols de Carlos Alberto aos 18 minutos da segunda etapa de cabeça  para o Ferroviário e Gugu  aos 37, Gugu aproveitando  vacilo da zaga e empatou, para o Maranguape  definindo o 1x1 como placar do jogo, na noite desta quarta feira 25,  no Estádio Domingão, em Horizonte. Diante de um público diminuto, os dois times fizeram uma partida de altos e baixos para os dois lados.

Com o resultado, o Ferrão perdeu a chance de assumir a liderança provisória do Campeonato Cearense e acabou ficando mesmo em 3º lugar, com seis pontos, perdendo no número de vitórias para o Tiradentes, que segue vice-líder. O Maranguape, com o ponto conquistado, foi a cinco, e é o 4º colocado. Mas, com a continuidade da rodada, no fim de semana, as duas equipes devem perder posições.

Na próxima rodada, o Ferroviário encara o Uniclinic, no próprio Domingão, a partir das 21 horas. Já o Maranguape joga com o Fortaleza, na Arena Castelão, um dia depois, a partir das 19h30.

Como foi o jogo

No primeiro tempo, o Ferroviário começou de forma mais aguerrida. Com avanços de Valdeci e Maxuell, o Tubarão da Barra pressionou nos primeiros 15 minutos. Até que o Maranguape foi entendendo o jeito de jogar do adversário e barrando as investidas corais. Em pouco tempo, a partida estava igual e o Gavião da Serra impunha pressão, principalmente com Gugu. No entanto, as finalizações dos dois lados eram ruins e o primeiro tempo terminou como começou: com um 0 a 0.

Na segunda etapa, o Gavião da Serra começou mais intenso. Chutou bola na trave e obrigou o goleiro coral a suar a camisa nos primeiros 10 minutos. A partir daí, foi a vez do Ferrão entender o modo de jogar maranguapense. E, com isso, o time voltou a crescer em campo. O resultado disso é que, em um contra-ataque, Carlos Alberto cabeceou certeiro após cruzamento e abriu o placar, aos 18 minutos. Daí para frente, o Tubarão se mostrou mais aguerrido. O estreante Mota cabeceou bola no travessão. Mas quando tudo indicava que o Ferrão iria administrar o placar, a zaga coral falhou e Gugu aproveitou sobra de bola para empatar, aos 37. O Gavião ainda pressionou em busca da virada, mas não tinha mais fôlego para conseguir e o jogo terminou empatado.

Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

  ©deberlima.blogspot.com - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Samuel Pinheiro | Topo